Promovemos a universalidade, a continuidade e a qualidade dos serviços de águas, contribuindo para a sustentabilidade do setor e para a proteção dos valores ambientais

Tipos de Águas Analisadas

O Laboratório é responsável pelo controlo de diversos tipos de águas tais como:

Água de origem subterrânea – monitorização das captações situadas no perímetro de rega do Vale da Vila e Benaciate, onde é captada água para tratamento na ETA de Alcantarilha, englobando cerca de 20 pontos de amostragem;

Águas de origem superficial – monitorização da Barragem de Odelouca e ainda das albufeiras da Bravura e, Odeleite e Beliche, onde é captada água para tratamento nas ETAs, num total de 26 pontos de amostragem;

Águas processadas nas ETAs – controlo das diversas etapas de tratamento de água, desde a água bruta à água tratada, e ainda todas as águas residuais dos processos de tratamento das 4 ETAs, em cerca de 120 pontos de amostragem. Para além das referidas águas, o Laboratório é responsável pelo controlo das lamas resultantes do tratamento e ainda dos reagentes utilizados no processo de tratamento das ETA’s;

Águas de adução – controlo da água entregue, em alta, aos municípios do Algarve, em cerca de 95 pontos de amostragem.

Águas Residuais – Controlo das diversas etapas de tratamento de águas residuais, desde o afluente bruto ao efluente tratado, respetivos meios recetores, e ainda 2 emissários submarinos, em cerca de 400 pontos de amostragem.

 

Águas para consumo Humano

O controlo da qualidade da água de consumo humano é efectuado de modo a cumprir a Legislação nacional aplicávelaos diversos tipos de matrizes de Água, as orientações da Organização Mundial de Saúde e, desde 2007, as especificações da certificação em segurança alimentar (ISO 22000) e certificação do produto “Água para Consumo Humano na variante Sistemas de Abastecimento Público em Alta”, pela Recomendação ERSAR nº 02/2011.

Deste modo, para além do controlo de qualidade das águas tratadas destinadas ao consumo humano, é também efetuada a monitorização da qualidade das águas naturais captadas pela AdA, nomeadamente o definido nos Contratos de Concessão para utilização dos recursos hídricos e nas licenças de captação, conforme a Diretiva Quadro da Água (DQA).

De modo a cumprir com todos estes referenciais, e evidenciar a qualidade da água de consumo humano produzida e distribuída pela AdA, compete ao laboratório a implementação e cumprimento dos respetivos planos analíticos (legais e operacionais).

 

Colheita de amostras
Actualmente são amostrados cerca de 266 pontos de colheitas de água, no Sistema Multimunicipal de Abastecimento de Água. Diariamente chegam ao laboratório da AdA, uma média de 60 amostras.

 

Análises
Actualmente o Laboratório da AdA tem implementado cerca de 160 parâmetros  correspondendo a cerca de 300 técnicas de análise para garantir o controlo de qualidade da água, dos subprodutos e dos reagentes de processo.
 
De modo a satisfazer não só as exigências regulamentares e legais aplicáveis ao setor águas de consumo e origens, como também às necessidades específicas dos seus clientes, o Laboratório da AdA encontra-se acreditado, desde 2006, pelo Instituto Português da Acreditação (IPAC) para 187 técnicas de análise.

Atualmente, cerca de 95%  do total de análises incluidas nos planos analiticos do SMAAA e origens, são realizadas no Laboratório da AdA, sendo as restantes subcontratadas.

 

Águas residuais

Desde 2005 o controlo da qualidade das águas residuais tratadas está sobre a responsabilidade do Laboratório de Águas do Algarve, S.A. Este controlo engloba amostragens pontuais e compostas, realizadas por períodos de 24 horas, para a caracterização físico-química, e amostragens pontuais para a caracterização microbiológica.

A rede de amostragem inclui cerca de 400 pontos relativos a 62 ETAR e respetivos meios recetores e ainda 2 emissários submarinos. Diariamente chegam ao laboratório da AdA, uma média de 35 amostras.

 

Análises
No âmbito da monitorização das águas residuais e respetivos meios recetores, realizam-se anualmente cerca de 30 000 análises de águas residuais, efetuadas, na sua totalidade, no Laboratório.